Mercado

Franquia é uma boa opção de negócio?

Um dos setores que mais cresce no país chama a atenção de empreendedores

O sistema de franchising é uma das áreas que mais cresce no Brasil e é hoje um caminho muito procurado por quem quer empreender. Dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), mostram que o setor deve confirmar um crescimento de mais de 9% em 2016, muito acima do desempenho projetado para a economia brasileira no período.

Os números divulgados pela ABF apontam que o setor ainda tem muito o que expandir. Apenas 40% dos municípios brasileiros possuem franquias e a maior parte delas está concentrada na região Sudeste, principalmente em São Paulo. As redes franqueadoras instaladas no Brasil também são consideradas pequenas, se comparadas com outros modelos de negócio.

Com todo esse potencial, o setor de franquias tem atraído cada vez mais empreendedores, ávidos por uma fatia desse mercado. Mas, seja no caso dos empresários que querem franquear ou de empreendedores que pretendem investir em uma franquia, é fundamental ter capacitação e muita pesquisa antes de qualquer movimento.

De acordo com a analista do Sebrae Minas Alessandra Simões, “se tornar franqueador ou franqueado não é um processo rápido, leva meses e até anos. Muitas vezes o empresário nos procura e identificamos que não está preparado, mas ele acaba retornando anos depois”, afirma.

A analista explica que o projeto Minas Franquia é uma boa opção para quem quer franquear. Dentro do projeto, é feita toda uma análise com cada empresário, que envolve diversas etapas, desde identificar qual o nível de maturidade do negócio até verificar se a marca está registrada no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). Também fazem parte da análise a avaliação do perfil do empresário, o levantamento de números do mercado de atuação e a padronização do atendimento e do modelo de negócio.

A consultoria do Sebrae também ajuda o empresário na construção de todos os processos obrigatórios a um franqueador, começando pela circular de oferta de franquia, documento que estabelece todas as condições do negócio. Outras etapas assessoradas pelo projeto são a elaboração do modelo de contrato com franqueado e a construção do plano de viabilidade econômica da franquia.

Quem ainda não está tão decidido assim, mas tem interesse em franquias, pode participar do curso “Entendendo o franchising”, que é direcionado a quem quer conhecer sobre o negócio. “No curso mostramos como funciona o sistema de franchising, o perfil do franqueador, como o empresário pode identificar se aquele é realmente um negócio que ele gosta e se ele tem perfil para gerenciar. Damos a orientação, mas o dever de casa deve ser feito pelo empresário”, orienta Alessandra.

 

Conheça os 10 passos para adquirir uma franquia

1-    Analise o seu perfil e defina que tipo de negócio gostaria de ter;

2-    Pesquise marcas do segmento escolhido e compare seus dados financeiros;

3-    Confira se os serviços prometidos pela franqueadora estão sendo entregues e se ela está cumprindo as promessas feitas aos franqueados;

4-    Converse com franqueados da Rede;

5-    Valide o plano de negócio apresentado;

6-    Verifique se o valor da reforma do ponto está incluído no investimento inicial;

7-    Analise com cautela a circular de oferta de franquia;

8-    Faça o curso “Entendendo o franchising” para conhecer as regras desse sistema;

9-    Leia o contrato a ser assinado e confronte os dados com a circular de oferta de franquia;

10-  Encontre um ponto para a instalação do negócio.

 

Assessoria de Imprensa do Sebrae Minas

(31) 3379-9275 / 9276

Tags: Minas Franquia, franquia